• Porto Seguro com crianças!

Lady Gaga e Bradley Cooper levaram o Oscar de Melhor Canção Original.

A noite de ontem marcou uma nova era da premiação do Oscar. A começar pelo fato de não ter um host único para apresentar e entreter o público. Além disso, a noite surpreendeu a todos com premiações engajadas como a de melhor figurino para Ruth Carter de Pantera Negra. A triz fez um belo discurso com referências empoderamento dos negros na indústria.

O Oscar 2019 de Melhor Design de Produção também foi para Pantera Negra por Hannah Beachler. Regina King, atuante em Se a Rua Beale Falasse levou a estatueta de melhor atriz coadjuvante (uma das mais belas da noite, por sinal). A atriz, no tapete vermelho, já fazia referência de sua força ser herdada de sua mãe e avó. Ainda teve a indicação da atriz mexicana Yalitza Aparício, 25 anos, em seu primeiro trabalho, pelo filme Roma.

Pensar que em 2016 a Academia foi super criticada por falta de diversidade nas indicações dos prêmios nos anos de 2015 e 2016, podemos dizer que agora estão no caminho.

Lady Gaga rainha e vencedora da noite – Oscar 2019.

Foi uma noite de muitas emoções, mas a principal foi a apresentação da música Shallow, tema do filme Nasce uma estrela. Lagy Gaga, ao piano, cantando lindamente com Bradley Cooper. Os dois levaram o Oscar 2019 de Melhor Canção Original. A platéia ficou tão emocionada com a apresentação que eles foram ovacionados inclusive durante o intervalo do show.

A noite foi da estrela que vestia um belíssimo Alexander Mcqueen no melhor estilo bonequinha de luxo. No pescoço Lagy Gaga carregava um diamante amarelo Tiffany avaliado em 30 milhões de dólares. Ela foi para causar, brilhar e ganhar. Esse foi o momento de Lady Gaga. Nunca a vi tão linda e com semblante tão leve.

Fotos e vídeo reprodução.