• Porto Seguro com crianças!

Dieta adequada após os 40 para manter a forma e principalmente a saúde e bem estar deve ser encarada como estilo de vida.

Outro dia falei aqui sobre como atingir metas ao final de um ano e sobre minha experiência com as técnicas. Falei sobre a única meta não atingida em 2018: a perda de peso. Pois bem, no intuito de fechar o ano redondinho, resolvi fazer uma dieta proteica no final de dezembro. Mas, o resultado não foi atingido conforme planejado. Pois, o meu organismo “não reagiu à dieta” conforme esperado. Apesar do resultado não atingido, aprendi muito com essa dieta. Aprendi sobre quantidade e qualidade de alimentos ingeridos, sobre sociedade, ansiedade, hábitos… E a maior lição, que na verdade eu já sabia: cada organismo é único, cada fase da vida é única. Com isso, as necessidades são diferentes.

Dieta adequada após os 40: existe?

Pensando nisso, trouxe essa pauta para vocês que traz exatamente o que aprendi nesse período. Confiram comigo:

“Ao passar dos anos a atividade do metabolismo tende a diminuir, fazendo com que o corpo gaste menos energia e demore mais para eliminar sua gordura. Ainda que seja um processo natural, é possível criar hábitos que equilibrem esse cenário e até reverta essa situação.

Existe dieta adequada para cada tipo de organismo que facilita uma boa reeducação alimentar. Mas, a nutricionista Sabina Donadelli ressalta que não há uma específica para cada idade. “Quanto mais jovem, com mais facilidade se perde peso porque o organismo assimila com mais rapidez a mudança. Mas no geral, independentemente de idade, optar por uma alimentação saudável vai privilegiar o tipo de cada pessoa”, afirma.

Para ela a dieta deve ser encarada como uma escolha pessoal a ser levada a sério. “Antes de mais nada, é preciso pensar no tipo de alimentação que uma pessoa adota dentro do seu estilo de vida e estar em paz e satisfeito com as suas decisões neste sentido. Tudo é questão de adaptação e o primeiro passo começa na cabeça, em uma decisão pessoal e de amor próprio”, ressalta Donadelli.

Dieta adequada não é uma poção mágica.

Assim como em outros âmbitos da vida, a dieta é um entendimento que se dá a partir de tentativas, erros e acertos. Os métodos não devem ser encarados como poções mágicas, e qualquer dieta deve ter como princípio base o cuidado e respeito com o corpo.

“Acredito que a consciência vem acompanhada de informação. Se eu sei que um alimento com menor corante, conservante, um alimento embalado é menos saudável do que um alimento preparado com alimentos frescos, essa será a minha opção. Se há desistência é porque foi adotado um modelo de dieta incompatível com seu jeito de ser”, afirma a nutricionista.

No geral, para saber se algum alimento é bom ou não para ser consumido, busque produtos de origens naturais. “Em princípio, tudo o que é natural é melhor do que vem embalado. Uma dica que alguns profissionais dão é contar o número de ingredientes que tem no produto, se houver mais de 10 itens em composição, provavelmente não se trata de algo saudável”, finaliza.

Sobre Sabina Donadelli

Apaixonada pelo poder dos alimentos, a nutricionista Sabina Donadelli garante que a comida pode fazer maravilhas pelas pessoas. E ela sabe o que está falando. Formada e pós-graduada em Nutrição, a profissional alia seus conhecimentos da escola clássica com estudos da fitoterapia e dietoterapia oriental, como a chinesa e a indiana.

Sabina afirma que nas doses e combinações certas, as refeições podem auxiliar no tratamento de doenças, auxiliam na perda de peso, corrigem distúrbios, espantam a tristeza, rejuvenescem a aparência e, entre tantos outros benefícios, ainda nos levam à felicidade.”

Pauta enviada por Carolina Lara

Ressalto aqui a importância do acompanhamento de um bom nutricionista e um endócrino. Como os níveis de hormônios depois dos 40 sofrem alterações, é necessário uma avaliação do que seu organismo realmente necessita. Como anda seu metabolismo. Como é seu estilo de vida e hábitos alimentares. Tudo isso vai interferi na escolha da dieta adequada para seu objetivo.

Foto: reprodução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *