• Power dressing!

Olá Queridas e Queridos!

Estabelecer metas possíveis para 2018 é uma ótima forma de começar o ano novo.

Portanto, mãos à obra, vamos fazer juntos uma retrospectiva de 2017 e traçar novas metas para 2018. Lembrando, como disse no post anterior, que a melhor forma de se obter sucesso é definir metas objetivas e possíveis, sejam para vida pessoal, profissional, espiritual. Você pode também dividi-las em grupos de TER, SER e FAZER.

Depois que fiz algumas sessões de coaching aprendi um pouco sobre inércia, ganhos secundários e desejo real. Minha master coach Tuka Moreira foi decisiva no meu processo de crescimento.

A primeira dica para estabelecer metas possíveis para o ano novo é definir suas metas, tratando-as não só como um desejo/ovjetivo, mas como uma proposta de mudança real, de transformação, com plano estratégico e até cronograma (leia mais).

Lembrando que para se atingir uma meta ou objetivo na vida é preciso atitude: trabalho duro e constante – disciplina, perseverança, foco e acreditar no que deseja.

Antes de traçar suas metas, faça uma tabela e divida sua vida em planos distintos: pessoal, profissional, espiritual, emocional; ainda: ter, ser, fazer. Comece estabelecendo seus princípios (prioridades): trabalho, saúde, diversão, evolução espiritual… Dessa forma, você saberá quais são seus verdadeiros desejos. Suas metas devem ser divididas em cada um dos planos que desejar. Estas não devem ser muito ambiciosas e/ou fantasiosas.

Após definir suas metas, planeje-as estipulando um plano de ação e um prazo para cada ação.

Durante o processo será necessário enfrentar seus medos ou dificuldades pessoais. Trabalhe seus pontos “negativos”. Se for preciso, peça ajuda.

Mantenha sua auto estima positiva, isso o ajudará nos momentos difíceis. Para isso, cuide da sua saúde com alimentação, exercícios físicos, hidratação. Cuide da sua imagem pessoal.

Durante sua caminhada, reveja seu plano de ação, até mesmo suas metas. Talvez, seja necessário ajustar o prazo, o curso. Enfim, saiba que imprevistos acontecem e deve estar preparado para contorná-los.

Seja paciente. Nenhuma mudança de comportamento, postura ou atitude traz resultados imediatos. O que você planta hoje, colherá amanhã.

Por fim, use a técnica do SMART.

S – Específica – Tem escopo delimitado.
M – Mensurável – É possível medir se foi alcançada ou não.
A – Alcançável – É possível de realizar.
R – Relevante – É relevante para sua vida, atrelada a sua missão de vida.
T – Temporal – Tem um período para ser realizada, tem prazo final definido

Agora, um exemplo de meta para o novo ano para você desenvolver sua tabela.

Eu ainda não fiz a minha, mas minha primeira meta é perder peso. Não só por uma questão estética, mas pela minha saúde.

Meta: Perder Peso (dessa forma, posso muito bem chegar ao fim de 2018 fracassada, pois a meta está subjetiva e vaga, sendo apenas um objetivo).

Meta: Perder 8 quilos ao longo do 2018, sendo 4 quilos até o carnaval, mais 4 quilos até agosto. A partir de então manter o peso por 12 meses.

Ações:

1 – Retornar às atividades físicas. Dia 02/01 ir até a academia e fazer a avaliação física. Começar os treinos no dia 03/01 com frequência mínima de 3 vezes por semana, mais 1 dia de caminhada ao ar livre.

2 – Marcar consulta com nutricionista para rever a dieta. Telefonar para a Luciana Guerreiro.

3 – Comprar os insumos da dieta e começar uma alimentação mais balanceada.

4 – Foco na hidratação. Buscar fontes de hidratação e não descuidar dessa parte.

5 – Reavaliação física a cada 30 dias, nos primeiros 3 meses e a cada 60 dias a partir do quarto mês.

Você deve fazer dessa forma para cada meta desejada.

Todos nós somos capazes de realizar nossos desejos e sabemos como fazê-lo, a questão é que não nos organizamos ou, muitas vezes, não temos o desejo real de mudança, ou ainda temos ganhos secundários em manter a inércia. É preciso ter a certeza do que se quer e ter atitude sempre.

Fotos: reprodução.