• Nails trend.

Olá Queridas e Queridos!

Modelo plus size Fluvia Lacerda é capa da revista Playboy de colecionador verão 2017, vendida apenas online.

plus_size_capa_da_playboy2

A Playboy fundada em 1953 por Hugh Hefner foi uma das primeiras publicações a exibir mulheres nuas. O periódico teve como capa de sua primeira edição Marilyn Monroe. A revista tem como público masculino como alvo e além de fotos de lindas mulheres nuas, apresenta entrevistas com pessoas influentes na mídia e reportagens sobre assuntos do universo masculino.

No Brasil, a revista foi lançada em 1975 e teve a Editora Abril como responsável pela sua edição e distribuição até 2015. Em 2016 a revista migrou para a PBB Entertaiment.

A revista PLAYBOY Brasil encerra seu primeiro ano de casa nova levando aos leitores uma capa especial com a modelo plus size, Fluvia Lacerda.

A edição de colecionador é especial, não tem sem chamadas, código de barras e se encontra à venda exclusivamente pelo site da publicação. Essa edição chega para concretizar a transição pela qual a revista passou em 2016.

“Nesta nova editora temos a liberdade de fazer uma PLAYBOY linda, sexy, cheia de personalidade e o melhor, para todos. A PLAYBOY é uma revista conhecida por mostrar mulheres bonitas em suas páginas, mas quem disse que a beleza está em um único tipo de corpo, uma única cor de pele, ou apenas em um tipo de cabelo? O bonito da vida é que há diferentes tipos de beleza no mundo, e eu me sinto orgulhosa de estar à frente de uma PLAYBOY que tem a coragem de mostrar isso”, afirma a diretora de redação, Tabata Pitol.

A Playboy Brasil já havia mostrado seu interesse em publicar a nudez da nossa diversidade feminina, em especial do público plus size quando divulgou uma entrevista com a blogger e jornalista Ju Romano, autora do blog Entre Topetes e Vinis. Hoje, Ju Romano é uma das mais influentes plus size da internet.

plus_size_capa_da_playboy

Fluvia Lacerda

A modelo brasileira, de 36 anos, mora hoje em Nova York onde é um dos principais nomes do mercado plus size. “O convite para fazer a Playboy foi algo inesperado e desafiador, que me reconectou com minhas origens, com a minha sensualidade. Abriu portas e espaço para mostrar e representar todas as mulheres em um ambiente antes segmentado”, conta Fluvia.

Em seu Instagram ela anunciou a novidade com empolgação. “É oficial. Todos os tipos de sentimento por ser a primeira mulher plus size a posar para a capa da PLAYBOY Brasil. Mas, mais que tudo, estou incrivelmente feliz e emocionada com tanto amor e apoio de tantas pessoas. Obrigada”, escreveu na rede social.

O convite foi feito no meio do ano e as fotos realizadas no final de novembro, em Roraima, cenário escolhido pela própria modelo. “Adoramos a ideia de ela mostrar todo o orgulho que tem do seu corpo em sua terra natal. As primeiras conversas com o empresário dela aconteceram logo que assumi a diretoria de redação da publicação. Um dos meus objetivos é trazer representatividade para nossas páginas. E posso dizer que encerramos 2016 bem felizes com o que conquistamos: tivemos a Pathy Dejesus, que foi a primeira negra em uma edição de aniversário em 41 anos do título no Brasil, e agora temos uma linda garota gorda na capa de colecionador. Ambas mulheres lindas, empoderadas, sensuais e que traduzem o que é a PLAYBOY”, finaliza Tabata.

Apesar das fotos da gata terem tratamento visível (as revistas não resistem. Na verdade, nem nós blogueiras. Sempre tem um retoque nem que seja de leve. hehehe), pontos para a Playboy por mostrar que beleza não deve ter um padrão específico, pois cada indivíduo é único, com suas peculiaridades.

Pauta enviada por Assessoria de Imprensa da Playboy com alterações da autora.

2 Replies to “Plus size é capa da Playboy para colecionador!”

Comments are closed.